Novos conselheiros tutelares de Matinhos tomaram posse neste domingo.

 

Os cinco conselheiros tutelares eleitos para o mandato 2016-2020, tomaram posse domingo 10/01/2016 em solenidade no Auditório do Paço municipal.

A solenidade foi organizada pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA).

A cerimônia contou com a participação de diversas autoridades municipais, comunidade, entidades e familiares e amigos dos novos conselheiros.

O prefeito assinou portaria nomeando os novos conselheiros tutelares da cidade. Na oportunidade incentivou os empossados a desenvolver o trabalho com dedicação, podendo contar com apoio do executivo municipal.

A função de conselheiro tutelar é bastante exigente. Os candidatos passaram por um processo seletivo para estarem aptos a tomar posse e cumprirem o papel para o qual foram eleitos.  São eles:

Débora Oliveira da Silva Zappani
Jean Carlos Prates
Lilian Cristina Moreira da Silva Zardo
Maria Francisca Ramos dos Santos
e Rosely Juglair Pock.tutelar

O Conselho Tutelar tem como responsabilidade o atendimento às crianças, adolescentes e suas famílias, recebendo denúncias e aplicando as medidas de proteção, sempre que os direitos reconhecidos pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) forem ameaçados e/ou violados.

Para desempenhar essa função, os conselheiros recebem um subsídio mensal, de acordo com o artigo 39, parágrafo 4º, da Constituição Federal.

Os conselhos tutelares são órgãos autônomos e permanentes, que integram a administração pública local.

Contatos Conselho Tutelar de Matinhos: 3971-6159, Plantão 8405-7181.

Guaratuba confirma primeiro caso (importado) de dengue em 6 meses

A secretária municipal de Saúde de Guaratuba, Angelita Miranda, confirmou nesta segunda-feira (11), o primeiro caso de dengue na cidade dos últimos seis meses. O anúncio foi feito pela manhã, em entrevista à Rádio Litorânea.

Trata-se de mais um caso importado (de contaminação em outra cidade), o segundo desde julho de 2015. Naquela ocasião, uma jovem moradora passou férias na cidade de Guaíra, no Oeste do Paraná, e chegou com os sintomas da doença. Foi encaminhada ao Hospital Regional de Paranaguá onde o exame comprovou a doença.

 

dengue-agentes

Agentes de endemias já fizeram 22 mil vistorias em imóveis.

O caso recente foi confirmado no sábado (9) no Pronto Atendimento Municipal. O paciente, um jovem de 14 anos havia chegado de férias na cidade de Paranaguá, onde esteve com familiares desde o Natal. Retornou na quinta-feira (7) ainda sentindo-se bem. No sábado, acordou com dores e febre e os pais o levaram ao PAM onde o exame rápido deu positivo. O rapaz foi medicado e está sendo acompanhado pela Secretaria de Saúde.

                                    Varredura atrás do Aedes
O chefe do setor de Doenças Endêmicas da secretaria, o médico veterinário Hermínio Molinari, e a coordenadora da Vigilância Epidemiológica, a enfermeira Vânia Azambuja Borges, participaram da entrevista a Paulinho Max e deram outras informações sobre as medidas que estão sendo tomadas em relação ao caso e à prevenção à dengue.

Como no caso anterior, foi feita uma varredura na residência do paciente contaminado e num raio de 300 metros em busca de larvas do mosquito Aedes Aegypti. Não foi encontrado nenhum. De acordo com Molinari, em 2015, foram encontrados quatro focos do mosquito e os locais continuam sendo monitorados. Desde outubro, não foi encontrado mais larvas do mosquito nestes e em todos os outros locais visitados em Guaratuba.

No sábado, Guaratuba participou do Dia D de Combate à Dengue com orientações aos banhistas e em vista a diversos locais do centro. Durante a semana, 15 agentes de endemias já visitaram 22 mil imóveis. Junto com equipes da Secretaria de Estado da Saúde, foram recolhidos cerca de 200 tubetes de larvas para exames e todos deram negativos.

                     Contato físico não transmite dengue
Vânia e Hermínio destacaram que a doença só é transmitida através de um veto, no caso o Aedes Aegypti, e que não pega através de beijos, abraços ou qualquer contato com o doente. Os dois também alertaram que o índice zero de infestação do mosquito, constatado por amostragem, não significa que não exista Aedes Aegypti em Guaratuba. A população e os visitantes devem continuar tomando os cuidados para evitar a proliferação do mosquito e os moradores evitar viajar para zonas infestadas.

                                Epidemia em Paranaguá
Em Paranaguá, onde a dengue atingiu o nível de epidemia, com aproximadamente 600 casos contraídos na cidade, os boletins sobre o número de casos serão divulgados todas as terças-feiras. O prefeito Édison Kersten anunciou no sábado a aplicação dos R$ 3,9 milhões que serão recebidos do governo estadual na contratação de médicos e profissionais de enfermagem, estruturação do sistema de saúde e estratégias de atendimento.

A primeira tenda destinada ao Hospital de Campanha, que ficará localizado ao lado do Pronto de Atendimento da Baduca, foi instalada no final de semana, com a segunda estrutura colocada na segunda-feira (11).

Fonte: Correiodolitoral.com

Saiba quais são os Sintomas da Dengue

Os primeiros sintomas da dengue incluem febre alta e mal estar geral, que surgem cerca de 3 dias após a picada do mosquito Aedes Aegypti, e conhecer a evolução da doenças é importante para não confundir a dengue com outras doenças como gripe, resfriado, malária ou meningite, por exemplo.

Por isso, em caso de suspeita de deve-se beber bastante líquidos e ir ao médico para confirmar se é dengue. Nesse caso, o único medicamento que pode ser tomado é o Paracetamol para aliviar as dores e a febre.

e7df8b13f7abbca319cae428255426c3-315_210

Sintomas da Dengue Hemorrágica 

2a5b285fb5dd3e1f778b6b927d93289d-315_210

Sintomas da Dengue clássica 

Sintomas da dengue clássica

Os sintomas da dengue clássica são:

  • Cansaço extremo e mal-estar;
  • Febre alta de 39 ou 40ºC;
  • Dor de cabeça, no fundo dos olhos e em todo o corpo;
  • Enjoos e vômitos;
  • Dor abdominal.

Estes sintomas podem se manter por até 7 dias, mas o cansaço e a fraqueza em geral, permanecem por mais 15 dias.

O que fazer se suspeitar de dengue: Deve beber bastante água para manter a hidratação e ir ao posto de saúde, hospital ou Unidade de Pronto Atendimento – UPA para saber se é dengue. É importante não tomar nenhum medicamento para não camuflar os sintomas, nem agravar a dengue.

Sintomas da dengue hemorrágica

Os sintomas da dengue hemorrágica surgem 3 dias após àqueles comuns da dengue clássica, e podem ser:

  • Sangramento do nariz e das gengivas;
  • Urina com sangue;
  • Olhos vermelhos;
  • Palidez, pele fria e úmida;
  • Vômito persistente;
  • Agitação, sonolência, confusão mental.

Normalmente ao 3º ou 4º dia, a febre alta diminui, a pressão cai, e surgem os sangramentos típicos da doença, que são mais comuns em indivíduos que já tiveram a doença antes.

O que fazer se suspeitar de dengue hemorrágica: Deve ir imediatamente para o hospital para receber o atendimento adequado, porque esta é uma situação grave que pode levar à morte se não for devidamente tratada dentro do hospital. A dengue hemorrágica acontece em pessoas que já tiveram a dengue clássica alguma vez na vida e é por isso que é importante evitar a reprodução do mosquito.

Manchas na pele pode ser dengue hemorrágica

Manchas na pele pode ser dengue hemorrágica

 

Sangramento pode ser dengue hemorrágica

Sangramento pode ser dengue hemorrágica

O tratamento é feito com analgésicos e antitérmicos, sob orientação médica, tais como Paracetamol e Dipirona para aliviar os sintomas. Não se deve tomar nenhum medicamento à base de Ácido Acetilsalicílico, como aspirina ou AAS, porque pode provocar dengue hemorrágica. Para completar o tratamento é recomendado também repouso e ingestão de líquidos mas o tratamento da dengue hemorrágica deve ser feito em meio hospitalar, com o uso de medicamentos e transfusão de plaquetas.

Sintomas da dengue em bebês

A dengue em bebês e crianças pode ser mais difícil de diferenciar de outras infecções comuns, por isso se o bebê apresentar febre alta repentina deve ser levado ao posto de saúde mais próximo ou pediatra, para que ele possa solicitar um exame de sangue e indicar o tratamento que poderá incluir a toma de Paracetamol ou Dipirona.

Os sintomas em bebês podem ser:

  • Febre alta, de 39 ou 40ºC;
  • Prostração ou irritabilidade;
  • Falta de apetite;
  • Diarreia e vômito.

O que fazer se suspeitar que o bebê está com dengue: Deve levar o bebê ao pediatra, ao posto de saúde ou Unidade de Pronto Atendimento – UPA para que a dengue seja diagnosticada por um médico.

Geralmente, o tratamento é feito em casa, oferecendo muitos líquidos ao bebê ou a criança, como água, chá e sucos. Além disso, é importante oferecer um alimentação de fácil digestão, como legumes e frutas cozidas, e frango ou peixe cozido. No entanto, a criança também pode não apresentar sintomas, dificultando seu diagnóstico.

 

Dr. Arthur Frazão

Médico

 

Tem muita linguiça escondida debaixo dessa farofa.

empreiteiroPasmem, uma obra começa em 2011 em 2012 é parada, por conter erros na construção, (janelas, hidráulica, elétrica, acessibilidade entre outras), depois de tantas idas e vindas do empresário responsável pela obra, e de tantos pedidos de aditivos já o ultimo negados, ele resolve então quase no meio de 2015 denunciar uma suposta propina de 80 mil reais.

Convenhamos quem se sujaria por 80 mil? Será que não tem alguém por trás com algum interesse maior nessa denuncia?

Quer dizer que enquanto estava cômodo “antes da vistoria técnica” para o empresário estava tudo certo, depois que a construção foi reprovada pelo departamento técnico da prefeitura ele resolveu botar a boca no mundo.

Outra pergunta, para que existe o tribunal de contas? Até agora só ouvi falar, falar, falar e ninguém prova nada, o que sei é que a creche está parada e a empresa Souza foi inabilitada de participar de licitações publicas, por sua incapacidade técnica e financeira.

Depois de ter visto uma publicação de um empresário no carnaval de 2014, onde ele dizia “é como eu quero ou não vai ter carnaval” pasmem não teve! Aí me pergunto será que tudo é culpa da prefeitura ou tem empresários de mais querendo ganhar na mão grande, e políticos querendo se beneficiar se fazendo de protetor do povo, na minha opinião quem quer denunciar vai lá e faz não espera  acontecer pra ser aplaudido. “abre o olho povo, tem gente de olho grande na prefeitura, quem sabe algum sindicalista”.

Vereadores de Matinhos visitam conselheiro Ivan Bonilha, presidente do Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR)

O ultimo dia 9/04 dois de nossos vereadores visitaram o presidente do Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR), conselheiro Ivan Bonilha, para manifestar apoio às ações da nova gestão e informar sobre a situação politico-administrativa do município. Marcos Antonio Rodbevesek, atual presidente da Câmara Municipal, e Márcio Duarte, ex-presidente, discorreram sobre os projetos que tramitam no Legislativo e manifestaram intenção de atuar sempre de acordo com as recomendações do TCE-PR.

Os vereadores também informaram sobre o início da primeira etapa das obras de revitalização do trecho que liga a sede urbana de Matinhos ao balneário de Caiobá. Segundo os vereadores, Matinhos vêm recebendo investimentos públicos e privados que vão beneficiar não somente seus moradores, mas também os veranistas e turistas.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.